Futuro do trabalho: qual é o papel da liderança nesse cenário?

10 de Agosto de 2020 por Stefanini

As sucessivas crises causadas pelo novo coronavírus, apesar dos desafios que impõem às empresas, têm acelerado processos que já estavam em andamento e tendências de mercado, a exemplo da transformação digital.

Essa nova realidade, cada vez mais presente, molda o futuro do trabalho e reforça antigos paradigmas com rapidez. Nesse contexto, o papel das lideranças é ampliado e se faz importante para a adaptação aos cenários inovadores, a atualização da instituição e a iniciativa em prol das novas mentalidades.

Pensando na importância de reconhecer as tendências para o futuro do trabalho e saber das responsabilidades da liderança nesse cenário, elencamos alguns esclarecimentos sobre o assunto. Não deixe de conferir!

Quais são as tendências para o futuro do trabalho?

Durante séculos o trabalho foi reduzido à atividade manual e à força física na produção de bens. Com a revolução industrial e o avanço de tecnologias, os trabalhadores passaram a dividir espaço com máquinas — à época ainda precárias. Atualmente, além do desenvolvimento acelerado das ferramentas de trabalho, a transformação digital dá espaço a uma nova lógica de atuação nas empresas.

Trabalhos manuais, que já eram reduzidos há décadas, agora podem ser substituídos por softwares programados que processam grande quantidade de dados ou, ainda, pela Inteligência Artificial (IA), capaz de tomar decisões sem interferência de terceiros.

Alinhado a esse processo, nota-se o surgimento de novas categorias de público consumidor que, com amplo acesso à informação, não buscam apenas por bons produtos e serviços, mas por experiências personalizadas. Assim, diante de um cenário de intensas mudanças no último século, o gerenciamento de negócios se torna mais dinâmico e competitivo para a sua sobrevivência no mercado.

Do mesmo modo, as relações de trabalho são repensadas para além das hierarquias rígidas, com perfis de colaboradores de mentalidade inovadora, proativa e empreendedora que acompanham as necessidades das novas gerações. Portanto, pode-se dizer que não basta contar com equipes competentes: hoje é preciso equipes atentas às tendências de mercado e às novas lógicas de consumo.

O que caracteriza a liderança do futuro?

Como visto, diante desse novo cenário tecnológico surge um novo perfil consumidor, agora antenado no mercado e submetido a uma grande quantidade de informações. O papel do líder, aqui, não fica mais restrito à guia de processos produtivos para a venda de bons produtos e prestação de serviços.

Pelo contrário, a liderança é aquela que, além de guiar as relações de trabalho, coordena equipes e executa projetos para fazer com que a empresa se aproxime do público e ganhe credibilidade e competitividade. Para tanto, o líder do futuro precisará adotar um caráter arrojado, que consiga se adaptar com facilidade aos cenários de mudança e planejar estratégias adequadas a cada um deles.

Um exemplo recente que revelou o sucesso de diversas organizações nesse sentido foi a rápida adaptação da lógica produtiva e de consumo a partir da pandemia de COVID-19. Enquanto muitos setores tiveram queda significativa em seu rendimento, outros mantiveram sua receita ao colocar o consumidor no centro das estratégias e migrar as vendas para os canais digitais, atendendo às necessidades reais do público.

Que competências são necessárias à liderança? 

Diante das novas relações de trabalho, algumas competências se mostram indispensáveis para uma boa liderança. Confira três delas!

Encorajamento

O líder do futuro é aquele que, além de estar em constante busca pelo conhecimento, motiva a sua equipe a fazer o mesmo. Afinal, um grupo capacitado auxilia na tomada de decisões e pode contribuir com a construção de estratégias eficazes. O trabalho em conjunto, apesar das competências bem distribuídas, poderá render bons frutos e assegurar um ambiente livre para contribuições criativas e inovadoras.

Análise de dados

A era da informação exige que as lideranças aprendam a trabalhar com a base de dados a fim de colocar as estratégias em prática — avaliando riscos e oportunidades constantemente. Uma das competências necessárias, nesse sentido, é o estabelecimento de métricas no acompanhamento dos padrões de consumo, da satisfação do cliente e da competitividade do negócio. Assim, sempre que necessário, será possível reavaliar o caminho traçado pela sua equipe e se adaptar às demandas que surgem com o tempo.

Inovação

Como vimos, a mentalidade inovadora é indispensável em um contexto tecnológico, não apenas para implementar novas ferramentas, mas também para buscar novos caminhos e soluções diante dos desafios das profissões do futuro. Nesse aspecto, é desejável que o líder assuma o papel de promotor de uma verdadeira cultura da inovação em sua equipe.

Como se manter competitivo diante das mudanças?

Algumas estratégias podem ser adotadas pelo líder a fim de se manter competitivo diante das expectativas para o futuro do trabalho e do consumo. Entre elas, podemos citar o foco na humanização do atendimento.

Isso porque, diante do uso massivo das tecnologias e da Inteligência Artificial, o consumidor pode sentir falta de um relacionamento mais próximo com pessoas que possam atendê-lo, compreendendo suas dores e expectativas em relação à empresa. Ter atenção às relações humanas, portanto, pode tornar o negócio mais próximo do público e fazer com que ele conquiste confiança e credibilidade.

A adoção de metodologias ágeis no gerenciamento de projetos e equipes também se faz necessária se você deseja ganhar em tempo e produtividade. Atualmente, há diversas ferramentas que melhoram a comunicação interna da equipe e a visualização de tarefas. O Digital Workplace, por exemplo, é uma tendência que pode contribuir nesse sentido.

Trata-se de um ambiente virtual que viabiliza a reunião de tecnologias e ferramentas para que o colaborador possa trabalhar de qualquer lugar. Além de flexibilizar a rotina do negócio, o software aumenta o engajamento das equipes e a agilidade dos processos. Assim, como é vantajosa para times e líderes, a plataforma permite adaptar a lógica de produtividade em qualquer situação e cenários de crise.

Com a pandemia do coronavírus, foi reacendido o debate sobre o futuro do trabalho e as perspectivas de liderança para os próximos anos. Isso porque, diante de mudanças e incertezas, o líder deve assumir competências adequadas de modo a guiar corretamente as equipes e a empresa em direção ao sucesso no mercado.

Ao mesmo tempo, é a liderança quem assumirá a responsabilidade sobre os riscos e oportunidades que podem surgir a partir desse cenário. A recomendação, aqui, é aceitar as grandes mudanças como parte do processo de crescimento das instituições, adotando uma postura positiva frente aos desafios e não meramente reativa.

Gostou das nossas dicas? Que tal descobrir mais sobre o assunto? Confira agora o primeiro episódio sobre liderança da série especial sobre o amanhã do futuro do trabalho!

Compartilhe:
Veja mais sobre

Vamos cocriar, solicite uma proposta dos nossos especialistas

Veja outros serviços capazes de complementar esta solução

O COVID-19 deixou claro que precisamos nos adaptar rapidamente à nossa nova realidade e com agilidade.

Saiba mais

Na era do COVID-19, a resiliência das empresas está sendo testada de maneiras nunca antes encontradas.

Saiba mais

Embora a resposta de cada setor ao COVID-19 tenha sido diferente, universalmente, os setores estão reformulando a maneira como fazem negócios por meio da interrupção digital.

Saiba mais

O impacto do COVID-19 criou uma situação em que a necessidade do local de trabalho digital é crucial, pois grande parte da força de trabalho está sendo acelerada para atuar como nômades digitais funcionais.

Saiba mais

O COVID-19 criou condições nunca antes vistas, introduzindo cenários em constante mudança.

Saiba mais

Compreender os riscos de ter aplicativos, páginas da Web ou servidores vulneráveis ​​é muito importante para sua estratégia de gerenciamento de riscos.

Saiba mais

Veja outros serviços capazes de complementar esta solução

Necessidades Digitais

Necessidades Digitais

O COVID-19 deixou claro que precisamos nos adaptar rapidamente à nossa nova realidade e com agilidade.

Saiba mais
Construindo Negócios Resilientes

Construindo Negócios Resilientes

Na era do COVID-19, a resiliência das empresas está sendo testada de maneiras nunca antes encontradas.

Saiba mais
Reformatando Indústrias

Reformatando Indústrias

Embora a resposta de cada setor ao COVID-19 tenha sido diferente, universalmente, os setores estão reformulando a maneira como fazem negócios por meio da interrupção digital.

Saiba mais
Cloud Now

Cloud Now

O impacto do COVID-19 criou uma situação em que a necessidade do local de trabalho digital é crucial, pois grande parte da força de trabalho está sendo acelerada para atuar como nômades digitais funcionais.

Saiba mais
Hyper Automation

Hyper Automation

O COVID-19 criou condições nunca antes vistas, introduzindo cenários em constante mudança.

Saiba mais
Cyber Security Plug & Play

Cyber Security Plug & Play

Compreender os riscos de ter aplicativos, páginas da Web ou servidores vulneráveis ​​é muito importante para sua estratégia de gerenciamento de riscos.

Saiba mais