5 benefícios que a metodologia lean startup pode trazer para seu negócio

03 de Janeiro de 2019 por Stefanini

Os primeiros passos de um novo negócio são sempre inseguros. Afinal, quem começa um empreendimento pode se sentir perdido devido à falta de experiência e ao grande número de inovações do mercado. Segundo o estudo Panorama Legal das Startups, de 2018, o desentendimento entre sócios e a falta de planejamento tributário estão entre as principais causas de fracasso.

Além disso, mesmo quando os primeiros obstáculos são superados, os desafios não terminam: crescer de forma constante e sustentável pode ser uma missão impossível sem a ajuda de técnicas eficazes, que favoreçam a redução de riscos e promovam um aumento gradativo da rentabilidade.

Neste post, você conhecerá a metodologia lean startup. Apesar de ser recente, essa abordagem já está ganhando destaque no mundo inteiro. Vamos entender melhor seu conceito e benefícios?

O que é lean startup

Criada pelo empreendedor Eric Ries no Vale do Silício, o termo "lean startup" pode ser traduzido como "startup enxuta" para o português. Como o próprio nome sugere, o objetivo da abordagem é "fazer mais com menos". Ou seja: reduzir custos enquanto a eficiência dos empreendimentos é potencializada.

O lean startup é uma filosofia de entrega de valor. Ele tem como principal característica a validação de hipóteses por meio da experimentação (em vez de um planejamento mais rígido e elaborado). Ao final do processo, há sempre uma decisão a ser tomada: a continuidade da iniciativa ou a “pivotagem”, que é acompanhada de um reposicionamento estratégico.

Tal abordagem se difere do modelo tradicional de gestão, que começa com a ideia de um produto ou serviço, seguida pelo plano de negócios, a apresentação da ideia e a captação de recursos — processo que pode durar meses ou anos.

A lean startup, por sua vez, promove um desenvolvimento ágil do projeto, com base em testes práticos e feedbacks diretos por parte do cliente.

Benefícios da metodologia lean startup

Por meio de uma consultora imersiva, é possível enxergar as muitas vantagens que o lean startup pode proporcionar às empresas. Não é à toa que gigantes do mercado, como Facebook, Amazon e Zappos, já adotam esse modelo para desenvolvimento de projetos.

1. Processos simplificados

O pensamento lean startup leva ao extremo a ideia de construir, medir, aprender e ajustar. Isso facilita a definição de hipóteses para validar nas diferentes áreas da empresa (até que seja possível encontrar a combinação ideal, capaz de fazer o negócio funcionar). É uma simplificação quando se trata de criar um projeto empreendedor, que permite que uma ideia seja facilmente transformada em um modelo de negócio.

Outra vantagem é que essa tática está em linha com a filosofia Lean e Agile. Isso acelera o desempenho das equipes, que desenvolverão o produto usando outros métodos ágeis, como Scrum ou Kanban.

2. Baixo custo

O uso da metodologia lean melhora o retorno sobre investimento financeiro, pois testa a viabilidade do produto em sua concepção mais enxuta. Com a eliminação de etapas desnecessárias, os desperdícios e gastos supérfluos desaparecem.

3. Aprendizado constante

O progresso na metodologia lean startup é medido pelo nível de qualidade dos resultados e feedbacks do cliente. Trata-se de um tipo de aprendizado validado, já que o principal objetivo é focar em soluções que os consumidores realmente querem (ainda que em um cenário de extrema incerteza).

Quando a empresa se concentra em descobrir a ideia certa para construir e sabe em quê os clientes estão dispostos a gastar, não é preciso passar meses esperando por um lançamento. Em vez disso, os empreendedores podem adaptar seus planos gradativamente, minuto a minuto.

4. Adaptabilidade

O método lean se adapta perfeitamente aos negócios e ambientes em constante mudança, pois permite a execução de análises rápidas, que geram confiança nos promotores. Isso favorece a identificação dos pontos fortes e fracos do negócio de forma ágil.

5. Incentivo à inovação

Por promover o aprimoramento constante, o modelo lean business abre caminhos para o investimento em ideias originais e cria uma cultura baseada na inovação dentro da empresa. Afinal, a identificação de novas oportunidades, a criação de protótipos e a coleta de opiniões do cliente são sempre frequentes na prática dessa metodologia.

Como aplicar a metodologia lean startup aos negócios

Antes de tudo, é necessário que haja comprometimento da alta gerência com a adoção do modelo. Afinal, será ela a responsável por definir o fluxo dos processos e, principalmente, por remover eventuais impedimentos.

Além disso, a gerência precisa atuar na gestão de conflitos (quando ocorrerem) e fazer vários alinhamentos com a parte tradicional da organização, a fim de evitar a inibição da agilidade das equipes que usam o lean startup. 

MVP

Após a aprovação da gerência, o segundo passo é investigar as dores do cliente e identificar o que precisa ser resolvido para desenvolver um Produto Viável Mínimo (MVP) e iniciar o processo de aprendizagem o mais rápido possível.

Esse MVP nada mais é do que um protótipo da solução que será lançada no mercado. Com ele, a empresa pode fazer testes, prever e modificar padrões. O objetivo é reprojetar o modelo até a ideia ser efetivamente vendida ou descartada.

Mensuração de resultados

Depois que o MVP é estabelecido, uma inicialização deve atuar para ajustar e aprimorar o mecanismo criado. Isso envolve aprendizado e deve incluir métricas úteis, que demonstrem uma relação de causa e efeito.

Automatização de projetos

O uso de uma estrutura enxuta abrange, necessariamente, a automatização do maior número possível de processos. Para isso, o negócio precisa investir e contar com um alto grau de automação em sua infraestrutura de deploy, além de uma excelente engenharia de software.

Consultoria

Toda transformação organizacional requer capacidades que, em geral, as empresas não têm em seus quadros. Por isso, esse trabalho costuma ser executado por agile coaches e consultores de gestão de mudanças.

Uma vantagem desse apoio é a independência que as consultorias têm para apontar pontos de transformação que, às vezes, podem ser incômodos ou passar despercebidos pelas organizações. Por isso é importante contar com o auxílio de uma organização especializada.

Se você achou a metodologia lean inspiradora e deseja implantá-la imediatamente, é importante procurar uma instituição que seja experiente e renomada no mercado. A Stefanini está presente em diversos países desde 1987 e pode desenvolver soluções personalizadas para clientes de qualquer setor. 

Por meio de metodologias como o lean startup, nós ajudamos você a explorar novas possibilidades rumo à transformação digital. Conheça nossas soluções imersivas: Dive, Deep Dive e Submarine! Será um prazer ajudar a sua empresa a crescer e colher os frutos da implantação dessa metodologia.

Solicite uma proposta dos nossos especialistas