Digitalizar empresa: entenda por que isso se tornou necessário

13 de Novembro de 2018 por Stefanini

Em um contexto cada vez mais associado à transformação digital, muitos gestores se veem na necessidade de digitalizar empresa, não é mesmo? Afinal, novas implementações podem trazer impactos bastante positivos ligados à produtividade e ao fluxo de trabalho.

Pensando nisso, elaboramos este texto para ajudar você a promover essas mudanças em sua organização. Durante a leitura, mostramos as vantagens envolvidas e de qual forma proceder em relação à digitalização. Aproveite o conteúdo!

No que consiste a digitalização?

Antes de tudo, é importante ressaltar que a digitalização de uma empresa começa pela forma de pensar — é preciso enxergar o negócio de uma maneira digital. Na prática, isso implica em uma visão voltada à simplificação, ou seja, descomplicar os processos e observar a experiência de quem consome seus produtos e atua internamente em sua empresa.

Sendo assim, é preciso alterar o pensamento sobre o uso de recursos tecnológicos e digitais em geral. Outro ponto é o uso de tecnologia, considerando que ela muda a percepção das pessoas a respeito dos produtos e procedimentos. Ele faz com que comecem a agir de forma diferente e sejam mais imprevisíveis na hora de desenvolver uma solução. 

Com essa flexibilidade em mente, torna-se viável compreender o uso frequente dessas ferramentas dentro da empresa, seja por parte dos colaboradores, seja pelos clientes.

Quais são as etapas necessárias para implementar digitalização?

Como dissemos, o aspecto inicial é a alteração da cultura organizacional — as pessoas precisam entender por quais motivos digitalizar é necessário. Um fato que exemplifica muito bem o quanto isso é relevante é a migração da Kodak para as câmeras digitais. Muitos consumidores não entenderam a novidade e demonstraram certa resistência ao adquiri-la. 

Portanto, entre o projeto e a execução, há a necessidade de pensar nas mudanças culturais envolvidas. Nesse sentido, ações coordenadas pelo RH podem ser muito úteis para alterar a percepção e a mentalidade dos colaboradores. Depois, é preciso olhar os seus produtos e/ou serviços e pensar em como a tecnologia pode ser usada para transformá-los a fim de ofertar algo que os clientes não têm.

Afinal, é fundamental atender aos anseios apresentados pelo consumidor. Ao mesmo tempo, é imprescindível se alinhar às novas transformações e lembrar de incluir os arquivos, documentos e procedimentos manuais nessa transição.

Em termos bastante resumidos, a etapa final da implementação consiste no uso intensivo da tecnologia para otimizar as suas operações, sejam elas quais forem, independentemente dos impactos causados nos resultados finais da empresa. 

Quais são as vantagens de digitalizar a empresa?

Vivemos em uma era pautada por recursos tecnológicos. Por consequência, as formas de planejar, produzir e fazer negócio estão cada vez mais atreladas a esse tipo de ferramenta — algo que não depende do porte da organização ou da área na qual cada pessoa atua.

Dessa forma, além de alcançar vantagens administrativas, operacionais e financeiras, digitalizar a empresa também é o caminho mais indicado para sobreviver no mercado e atingir as metas estabelecidas. Quer conhecer mais vantagens? Continue a leitura!

Aumenta a produtividade

A robotização e a inteligência artificial simplificam os processos e trazem ganhos mais do que significativos para a produtividade. Ao robotizar um processo de back office, por exemplo, é possível reduzir de 20 a 40% da mão de obra, dependendo do tipo de projeto.

Assim, há como escalonar a produção, aumentando a rapidez, diminuindo os custos e a necessidade de pessoal — uma vantagem do ponto de vista operacional e estratégico.

Auxilia na tomada de decisões

Garantir a competitividade é uma das principais preocupações de muitas empresas. Para isso, a precisão na tomada de decisões deve ser uma prioridade.

Nesse sentido, recursos como o Big Data e o Analytics viabilizam o acesso a um banco de dados gigantesco, com inúmeras informações. Assim, há como ter uma visão mais analítica e encontrar um respaldo realmente embasado para escolher as melhores alternativas, mais preditivas e capazes de antecipar situações específicas e, aparentemente, imprevisíveis.

Nos níveis de diretoria e gerência, isso tem um impacto ainda maior. Isso acontece porque, antigamente, o acesso a esse volume de dados era praticamente impossível. Agora, escolher estratégicas voltadas ao mercado pode se valer de números consistentes.

Reduz os gastos e confere sustentabilidade

Dispensar quase que totalmente o uso de papel implica na redução de custos e também faz com que o negócio seja mais sustentável. Gradativamente, as informações vão deixar de nascer em meios analógicos para serem digitalizadas posteriormente.

As modificações são potencializadas pelo uso de tecnologias como o blockchain, que também ajudam em relação à segurança digital e ao armazenamento de documentações.

Como digitalizar?

Nos últimos anos, a digitalização nas empresas ganhou muita força. É claro que ainda é algo novo, que as empresas estão tateando, se planejando e considerando como possibilidade de investimento. Afinal, não se trata de modificar um processo ou comprar um robô — tudo começa pela mentalidade, como dissemos. 

Aliás, apostar somente no investimento financeiro não basta. Também é necessário investir nas pessoas, no capital humano, para que as transformações de fato aconteçam e sejam capazes de originar benefícios palpáveis.

Um serviço de BPO da folha de pagamento, por exemplo, pode ser integrado à solução de gestão financeira e agilizar diversos processos. A ideia é que os recursos utilizados em sua empresa sigam a tendência da integração para que os diferentes departamentos possam acessar a mesma base de dados, o que evita ruídos na comunicação interna.

Outra maneira de obter sucesso com a digitalização é buscar ferramentas que tenham uma usabilidade amigável, ou seja, que não apresentam dificuldades associadas à utilização. Lembre-se de que muitos aspectos podem ser transformados nesse sentido: 

  • notas fiscais;
  • cadastros dos clientes;
  • atendimento ao consumidor;
  • controle de vendas;
  • planejamento orçamentário;
  • armazenamento de dados e documentos.

Viu só? Diversos gestores e gestoras conhecem as dificuldades ligadas ao ato de digitalizar empresa, essa transformação vale a pena e pode fazer muito pelo crescimento organizacional.

Se você gostou do texto e quer se inteirar mais sobre o tema, aproveite para entrar em contato conosco — nós podemos digitalizar o seu negócio!

Solicite uma proposta dos nossos especialistas

Nós usamos cookies em nosso site para oferecer a melhor experiência possível. Ao continuar a navegar no site, você concorda com esse uso. Para mais informações sobre como usamos cookies, veja nossasPoliticas de Privacidade.