Na contramão do mercado de tecnologia, Grupo Stefanini amplia contratações no mundo inteiro

Ao todo são 2.500 vagas em diversas áreas como Analytics, Ciência de Dados, Cloud, Cibersegurança e Marketing Digital

Próximo passo do programa Stefanini Everywhere é expandir para países onde a empresa não tem operações e atingir 4.000 cidades em dois anos

Nas últimas semanas, o mundo vem acompanhando uma série demissões no setor de tecnologia. De acordo com o site Layoffs.fyi, que acompanha os cortes na área de TI, mais de 120 mil pessoas perderam seus empregos, seja pela desaceleração econômica ou pela pressão dos investidores para cortar custos. Na contramão do mercado, o Grupo Stefanini, multinacional brasileira de 35 anos que se tornou referência em soluções digitais, acelerou as contratações nas quatro regiões em que atua: Brasil, Latam (países de língua hispânica), Estados Unidos-Ásia (APAC) e Europa (EMEA), bem como nas 30 empresas que compõem o ecossistema de inovação (Stefanini Ventures).

Ao todo são 2.500 vagas, sendo 700 na Europa, onde a empresa fechou um grande contrato com uma multinacional do setor de tabaco. No Brasil, o Grupo Stefanini está com 500 vagas em áreas que envolvem Analytics, Banking, Cibersegurança, Ciência de Dados, Cloud, UX e Marketing Digital. “Acreditamos que o crescimento de vagas é resultado da diversificação do portfólio (geográfica e de negócios), disciplina financeira, com sólida geração de caixa, continuidade da estratégia de aquisição de novas empresas, ampliação de contratos recorrentes e de novos clientes”, afirma Rodrigo Pádua, VP Global de Gente e Cultura do Grupo Stefanini.

De acordo com o executivo, um dos fatores que tem atraído novos talentos é o projeto Stefanini Everywhere, desenvolvido no início de 2020 e acelerado durante a pandemia. Ao incentivar a contratação de profissionais em qualquer lugar do mundo, mesmo que não haja escritório na cidade de origem do candidato, a presença da multinacional brasileira avançou, no Brasil, de cerca de 500 municípios, em 2020, para mais de 750 este ano, com presença nos 26 estados e no Distrito Federal. No mundo, o Grupo Stefanini possui colaboradores em 2.500 cidades.

O Stefanini Everywhere conta com três modelos de trabalho: home office total, parcial e flexível em relação a horários, ou seja, o colaborador tem a opção de fazer um horário alternativo, seja mais cedo ou mais tarde, de acordo com a necessidade pessoal e a disponibilidade do cliente. “A utilização de tecnologias desenvolvidas em casa, como o chatbot inteligente Sophie, permite atrair, entrevistar, selecionar, contratar e treinar de maneira remota, o que torna a Stefanini uma empresa sem fronteiras”, afirma Pádua, que recentemente foi eleito como o RH do Ano na América Latina por uma importante premiação do setor.

A nova fase do programa prevê a ampliação em países onde o Grupo Stefanini ainda não tem operações. A expectativa é atingir 4.000 municípios em até dois anos. “Todo esse movimento reflete o DNA empreendedor da corporação que, apesar de atuar em 41 países com mais de 30 mil colaboradores, mantém a estrutura de células, que garante autonomia na ponta com responsabilidade”, comenta o executivo.

Onboarding digital

Com a utilização de novas plataformas é possível implementar o onboarding digital, processo pelo qual o novo colaborador passa pelas entrevistas, testes e admissão, sem contato físico com a empresa. Os treinamentos com metodologias ágeis podem auxiliar no mapeamento de talentos e identificação de colaboradores que estejam disponíveis para novos desafios.

Com o trabalho remoto, as possibilidades se potencializam ainda mais. Segundo o CEO Global do Grupo Stefanini, Marco Stefanini, o importante é manter o equilíbrio, a confiança e criar uma experiência do colaborador cada vez mais humanizada e digital, com rituais que permitam conhecer a cultura e transitar por todo o ecossistema de inovação da empresa. Esta é a grande proposta do Stefanini Everywhere, que espera ampliar a presença atual em 750 cidades no Brasil para 1.000 em no máximo dois anos, tanto nas capitais quanto em cidades de médio e pequeno porte como a pequena Periquito, município com menos de 7.000 habitantes no Vale do Rio Doce, em Minas Gerais, onde há três colaboradores.

“Entre a cultura e o conhecimento técnico, priorizamos a cultura e depois treinamos os profissionais. Contamos com a Stefanini Academy, com plataformas de onboarding digital, mentoria sobre diversos assuntos (carreira, inovação, liderança, tecnologia, transformação digital, entre outros temas) e mapeamento de talentos para identificar colaboradores que estejam disponíveis para novos desafios. Esse equilíbrio entre pessoas, propósitos e atitudes é o que vem garantindo à Stefanini manter sua estratégia de aquisições e de atração de talentos que queiram crescer conosco”, complementa Marco Stefanini.

Transformação Digital

O processo iniciado em 2012 e acelerado há cinco anos com uma série de aquisições em diferentes verticais de negócios, impulsionou o crescimento do grupo que, ao celebrar seus 35 anos de existência, reitera a capacidade de se reinventar continuamente para atender as necessidades de seus clientes ao redor do mundo. Atualmente, a empresa global de origem brasileira possui mais de 1.000 clientes ativos.

O grupo, que faturou no ano passado R$ 5 bilhões, espera finalizar 2022 com um incremento global de 24%, atingindo R$ 6,2 bilhões, o equivalente a US$ 1,24 bilhão. Boa parte do resultado vem do ecossistema de inovação representado pela divisão Stefanini Ventures, composta por mais de 30 empresas de diferentes tamanhos e especialidades, que estão reunidas em seis principais plataformas: Analytics e IA, Banking & Payments, Cibersegurança, Indústria 4.0, Marketing Digital e Tecnologia.

Nos últimos dois anos, a Stefanini adquiriu 12 empresas, sendo sete delas no primeiro ano de pandemia. “Continuaremos crescendo de olho em novas oportunidades, sempre atentos à visão de futuro e às necessidades dos nossos clientes. A base do mindset do pensamento digital é o pensamento empreendedor, que continuará nos guiando por várias outras décadas, em diferentes localidades”, complementa Marco Stefanini, que prevê novas aquisições ainda em 2022, o que permitirá ampliar ainda mais a oferta de vagas.

Junte-se a nós

Receba Em Seu E-mail Conteúdos Exclusivos

Inscreva-se em nossa newsletter e receba novidades sobre o Grupo Stefanini.