Como a tecnologia está ditando a transformação digital nos bancos

Entenda como a transformação digital nos bancos acontece e porque ela representa grandes oportunidades para profissionais da tecnologia.

21 de Janeiro de 2020 por Stefanini

Quando falamos da transformação digital nos bancos, pensamos logo em como nossas vidas estão mais práticas depois da criação de alguns serviços, como a internet banking. Isso acontece porque esse tipo de inovação realmente tem o poder de simplificar nossas vidas. Afinal de contas, quem lembra da época em que a única maneira de fazer uma transferência bancária era ir até à agência mais próxima?

A associação da transformação digital com uma vida mais prática representa uma das maiores preocupações das instituições bancárias: tornar o dia a dia dos seus clientes, cada vez mais simples. Apesar disso, muitas outras questões vêm junto com essa transformação. Maior acesso aos dados do cliente, o que faz as comunicações e novos produtos muito mais adequados; necessidade de pensar em novas formas de proteção de valores e informações confidenciais; a possibilidade de redução de taxas pelos clientes, entre outros.

Para falar mais sobre todo esse processo, abordaremos a transformação digital nos bancos por diferentes óticas.

Como a transformação digital nos bancos foi impulsionada pelas fintechs

As fintechs podem ser consideradas uma consequência da lacuna tecnológica deixada pelos bancos, após a popularização da internet. São startups que oferecem uma série de serviços bancários, sempre pautados e apoiados pela tecnologia. Entre esses serviços estão: contas digitais, cartões de crédito e investimentos peer-to-peer.

Com a possibilidade de perder clientes para essas novas empresas, que se comunicam muito bem com o público jovem, instituições bancárias tradicionais e já consolidadas voltaram seus olhos e esforços para a tecnologia e passaram a buscar inovações que podem bater de frente com os seus recém-nascidos concorrentes.

Apesar da busca por inovação, feita pelos bancos tradicionais, é possível afirmar que as fintechs são as responsáveis por abrigar os clientes insatisfeitos com os seus concorrentes e que esse acolhimento acirrou a disputa entre os dois tipos de instituições financeiras, o que, no fim das contas, beneficia os consumidores, que passam a ter opções para escolher.

A transformação digital nos bancos e a constante busca por evolução

Os internet bankings, uma realidade para quase todos os bancos atualmente, são aqueles aplicativos que conseguem reunir praticamente todas as funções básicas de uma agência bancária. Com eles é possível fazer transferências bancárias, pagamentos de contas, acompanhamento de débitos e gastos no cartão, entre diversas outras funções.

Todas elas são pensadas para facilitar a vida dos clientes e fazer das suas experiências processos simples e fáceis de administrar. Por mais evoluído que alguns aplicativos sejam, eles nunca estão finalizados. Muito pelo contrário, todos eles estão em constante evolução, sempre para tentar fazer a experiência do usuário mais agradável e eficaz. É como se o próximo lançamento pudesse ser decisivo na retenção de um cliente.

Essa busca pela evolução resulta em um desafio especial para os profissionais da tecnologia que amam solucionar problemas. Ela representa também um dos propósitos mais claros do mercado atual: trabalhar para fazer a vida dos seus clientes mais fácil. Quem vive uma rotina atribulada e luta para equilibrar vida pessoal e profissional consegue entender o quão valiosos são estes esforços.

Como fica a segurança dos dados e das transações online?

Assim como a praticidade crescente é um objetivo dos profissionais da tecnologia que trabalham nos bancos, garantir a segurança das informações referentes aos seus clientes e às transações que eles fazem na internet, é outro grande objetivo de quem trabalha na área. Não só um objetivo, o esforço representa mais uma oportunidade para os profissionais da área que são apaixonados por esse segmento.

Ser conhecido como um banco seguro é, sem sombra de dúvidas, um grande ganho para a imagem de qualquer instituição, além de contar consideravelmente na hora de um cliente escolher entre esta e aquela opção.

O tema é tão relevante que passou a ser assunto destaque entre órgãos públicos reguladores. Em 2019, o Banco Central, Instituição Federal que regula o que pode e o que não pode ser feito pelos bancos, determinou que as empresas que administram os pagamentos feitos em comprar online serão responsáveis por possíveis fraudes envolvendo valores ou informações confidenciais de seus clientes.

Caso queira entender um pouco mais sobre o tema, acesse a reportagem

A tomada de decisões baseada em dados nos bancos modernos

Os profissionais da tecnologia ligados à coleta, armazenamento e interpretação de dados também podem enxergar nos bancos uma grande oportunidade. Quem trabalha com tech sabe que, mesmo quando decisões são tomadas rapidamente, elas sempre são baseadas em dados sólidos, que evitam perda de tempo e dinheiro.

Do lançamento de um novo produto ou serviço à nova versão de um aplicativo, sempre existem dados sólidos e profissionais atentos por trás. Por isso, se você sabe que quer trabalhar com tecnologia, mas ainda não sabe por onde começar, BI e Arquitetura da Informação podem ser uma boa opção.

Caso tenha ficado interessado, confira esse curso de introdução ao tema. É online e sem custos!

Qual é o papel das consultorias, nesse transformação digital?

As consultorias de tecnologia assumem papéis fundamentais na transformação digital protagonizada pelos bancos. O primeiro é o de desenvolvimento de soluções tecnológicas que têm a missão de acabar com dores em diversas áreas que vão desde o atendimentos aos clientes até a gestão e armazenamento de dados.

O segundo papel exercido pelas consultorias é o de gestão de produtos e serviços oferecidos pelos bancos, como aplicativos e unidades de atendimento ao cliente em ambientes digitais. Como está claro, as consultorias representam uma das portas de entrada mais relevantes para o universo tech que trabalha em parceria com o setor financeiro.

Aqui na Stefanini, “Fornecemos um completo ecossistema de soluções que preparam as instituições financeiras para o mundo digital”. Para que você consiga vislumbrar um pouco do nosso papel no processo que descrevemos, confira o conteúdo que conta a nossa parceria com o Banco Votorantim e o conteúdo 5 soluções da Stefanini para se tornar um banco completo.

A transformação digital nos bancos e todas a oportunidades que vêm junto com ela

Ao longo deste conteúdo mencionamos várias oportunidades para profissionais da tecnologia, que nasceram junto com a transformação digital dos bancos, inclusive dentro das consultorias. Se você tem interesse pelo mercado financeiro e sonha em construir uma carreira cheia de realizações, na área de tech, esse pode ser o seu caminho.

Aproveite e confira também o nosso conteúdo 3 habilidades sociais necessárias para um TI na Stefanini

 

Compartilhe:
Veja mais sobre

Vamos cocriar, solicite uma proposta dos nossos especialistas

Veja também

case

Cocriando soluções para um futuro melhor

case

Sophie - Assistente Virtual Inteligente