Autogestão - A habilidade que você precisa trabalhar na área de Tecnologia

Você trabalha com a autogestão em seu dia a dia? Entenda como essa prática pode trazer benefícios para o seu trabalho e também para a sua empresa.

25 de Março de 2020 por Stefanini

A área da tecnologia está em constante crescimento e abraça uma parte cada vez maior do mercado de trabalho. No entanto, para se dar bem nessa área, é preciso estar atento e ser tão evolutivo quanto ela em questão de aprendizado contínuo e novas formas de gerir as suas atividades.

 

Isso quer dizer que, assim como a tecnologia traz diversas inovações para a vida das pessoas ser mais prática e para que seus problemas sejam resolvidos com mais presteza, os profissionais que trabalham com ela precisam ir além das práticas organizacionais tradicionais e se superarem na maneira como organizam as suas tarefas, afinal, tudo está em constante aprimoramento.

 

A autogestão é um quesito importante para isso. Ela traz conceitos inovadores dentro do clima organizacional das empresas e oferece benefícios tanto para os resultados em grupo quanto para os pessoais, pois tende a otimizar o trabalho da equipe e ao mesmo tempo desenvolver os profissionais individualmente.

 

Em sua definição, ela é um conjunto de práticas organizacionais que visam dar autonomia para cada colaborador tomar as suas próprias decisões e gerir o seu trabalho sem a necessidade constante da aprovação de um líder. Isso gera uma responsabilidade pessoal a cada funcionário e faz com que o seu trabalho seja mais produtivo trazendo como consequência soluções mais efetivas para a empresa.

 

Principalmente na área da tecnologia, onde a maioria das coisas gira em torno da proatividade, saber trabalhar com a autogestão é um grande diferencial. Por precisar tomar decisões por conta própria, o funcionário acaba se tornando muito mais engajado com os problemas da corporação e procrastinam menos as suas tarefas, afinal, aquilo depende somente dele.

 

A autogestão contribui para o aumento da produtividade

Com a autonomia de definir os seus próprios prazos - dentro do planejamento da empresa, é claro -, organizar a agenda da melhor forma para si, definir a estratégia que considera mais adequada para a realização daquela tarefa e ser proativo, fica muito mais fácil para qualquer funcionário.

 

Isso porque a necessidade constante de ordens, pareceres e aprovações por parte de líderes pode ser muito desanimador, pois o colaborador sempre se vê “à mercê” de outra pessoa e, principalmente, não se acha bom o suficiente para tomar a linha de frente e demonstrar o seu potencial.

 

Com a autogestão esse processo fica para trás, e então o próprio colaborador, independentemente do seu nível de atuação na empresa, é o responsável pela organização e realização do seu trabalho, o que dá uma vazão muito maior para ele ser proativo e resolver problemas, por exemplo, sem a necessidade de terceiros.

 

É claro que apenas a autogestão não é a solução para que a equipe seja mais proativa. Junto a esse método, devem estar alinhados outros programas motivacionais, processos e ferramentas de organização. Mas é importante lembrar que ambos precisam andar juntos e que a autonomia melhora o desempenho de qualquer pessoa.

 

Mas afinal, como trabalhar a autogestão?

Estar preparado para lidar com a autogestão é imprescindível para quem trabalha na área da tecnologia e também em outras áreas, afinal, esse método de gerenciamento está sendo adotado por cada vez mais segmentos. Mas aprender a autogerenciar o seu trabalho não é algo que se faz do dia para a noite, pois isso exige organização, comprometimento e principalmente força de vontade.

 

Então, uma boa dica para conseguir se tornar um profissional autogerenciável é observar os seus líderes atuais e estudar o comportamento deles. A maneira como eles se organizam, a sua ordem de prioridades e até a forma como lidam com as crises: tudo isso pode ser aproveitado para você entender como desenvolver as suas próprias tarefas sem precisar dos comandos de um terceiro.

 

Além disso, é importante você ter comprometimento consigo mesmo e entender quais são as suas prioridades. A autogestão também é uma ótima forma de você se desenvolver como profissional e quem sabe se tornar especialista em determinado assunto de sua área, tudo vai depender do seu foco e do seu espírito de liderança que só você pode desenvolver.

Leia também o nosso artigo sobre:  Soft Skills - Como elas podem ajudar profissionais de digital! 

Compartilhe:
Veja mais sobre

Vamos cocriar, solicite uma proposta dos nossos especialistas

Veja outros serviços capazes de complementar esta solução

testetetetete

testete

tatetadata

teste

tstete

aaaaaaaaaaaaaaaaa

Veja outros serviços capazes de complementar esta solução

Experience

Experience

testetetetete

Cyber Security

Cyber Security

testete

Machine Intelligence

Machine Intelligence

tatetadata

Enterprise Hosting

Enterprise Hosting

teste

Consulting

Consulting

tstete

IT Strategy

IT Strategy

aaaaaaaaaaaaaaaaa

Veja também

case

Cocriando soluções para um futuro melhor

case

Sophie - Assistente Virtual Inteligente